Habitar o espaço dá trabalho: do presente como dom e d'Os Espacialistas presentes no espaço

Autores

  • Madalena Folgado

Resumo

Habitar funciona. Através das suas práticas de espaço, o coletivo artístico Os Espacialistas
reiteram a noção de casa como máquina de habitar. Na relação com o seu trabalho e do cliente, a máquina de habitar engrena outras máquinas artísticas, até onde possam funcionar pelo melhor (Deleuze e Guattari, 2016) – a melhor de todas as máquinas funciona com a “aplicação dos cinco sentidos” (Negreiros, 2006).
Deste modo, Os Espacialistas são presentes ao seu presente; o presente é o dom. Deslocando conceitos espaciais arquitetónicos, exercitam o ‘músculo da consciência’, como Gaston Bachelard, tirando proveito de uma fenomenologia da imaginação (1996).

Palavras-chave:

Os Espacialistas, Habitar, Trabalho, Dom, Fenomenologia da Imaginação

Downloads

Publicado

2018-10-19

Como Citar

Folgado, M. (2018). Habitar o espaço dá trabalho: do presente como dom e d’Os Espacialistas presentes no espaço. Sebentas d’Arquitectura, (8), 103–125. Obtido de http://revistas-prod.lis.ulusiada.pt/index.php/sa/article/view/2566

Edição

Secção

Artigos